BRASFOOT: Moldando caráter de geração em geração

Se existe um jogo virtual que podemos dizer que moldou caráter, esse jogo foi o lendário Brasfoot. Ele consiste basicamente em você escolher uma liga, um time, selecionar com um clique os jogadores que você deseja que sejam os titulares, e olhar para a tela de um computador esperando que o placar do seu jogo mude. Correto? Erradíssimo! Brasfoot é muito mais do que isso. Vamos lá.

Maxresdefault

Início

Contando um pouco de suas origens, o Brasfoot foi criado inicialmente em 2003, por um cara chamado Emmanuel dos Santos, rodando apenas em Windows. Era básico e simples, um jogo que você gerenciava os times, implementava suas táticas, contratava seus jogadores, com o objetivo de tornar-se o melhor dos treinadores, alternando-se na administração tática e financeira de sua equipe.

Sistema De Classificações

O jogo em si

No jogo é possível jogar campeonatos nacionais e copa nacional, campeonatos internacionais, estaduais (só no Brasil) e jogos com seleções. Se ele tiver bons resultados, pode ser chamado por equipes melhores, se não, corre o risco de ser demitido e ter que treinar clubes mais fracos.

Como treinador, é possível escalar os jogadores, formular táticas e improvisar as posições dos jogadores. O treinador é o responsável pelas finanças do clube onde treina, podendo negociar os direitos e salário dos jogadores, controlar o preço dos ingressos e ampliar o estádio. Cada futebolista tem um valor para sua força, que tende a diminuir conforme ele envelheça, e até duas características, entre dez possíveis, nas quais ele se destaca mais.

Aquele que for artilheiro em alguns campeonatos proporciona uma premiação para seu time. O Brasfoot possui um editor de times que permite fazer diversas alterações, deleções e adições de equipes e jogadores.

Nas versões demo, o treinador começa na quarta divisão e que disputa apenas a copa e o campeonato nacionais do Brasil ou da Espanha. A versão não paga também restringe o improviso de jogadores dentro de seu setor.

Escalação Brasfoot

Evolução

O Brasfoot 2010 marcou a primeira edição que a escalação dos times podia ser feita diretamente em um gramado.

No Brasfoot 2011 foram adicionadas a Recopa Sul-Americana e a Supercopa Europeia. Os valores de salários e a renovação de contratos dos jogadores passaram por mudanças. Nesta versão, também aparecem os uniformes oficiais dos clubes que disputam as série A e B no Brasil e 1ª e 2ª divisões espanholas.

Sala De Troféus

Mudanças no Brasfoot 2012:

  • Copa Sul-Americana em formato de mata-mata;
    Ex-jogadores poderão se tornar treinadores;
    Eleição dos jogadores time da semana após rodada do campeonato nacional;
    Eleição do time do ano;
    Nacionalidade do treinador;
    Possibilidade de usar uniforme reserva e terceiro uniforme;
    Melhoras no sistema do jogo;
    Ranking por reputação;
    Ajustes em vários sistemas do jogo.
    Troféu Bola de Ouro

Brasfoot 2013:

  • Mudanças no Editor de Equipe (possibilidade de realizar buscas por jogadores, exibir equipes sem escudos e/ou sem camisas, entre outras)
    Copa do Brasil com 64 times
    Disputa da Libertadores e da Liga dos Campeões já na primeira temporadaResumo Dos Jogos
    A partir daí, as mudanças mais significativas voltaram a aparecer apenas no Brasfoot 2016 e 2017, que foram:

    2016:

    -Possibilidade de editar campeonatos nacionais e estaduais.
    -Ser treinador de seleção podendo realizar amistosos e escalar seus jogadores a hora que quiser.
    -Copa do Brasil com 128 times.
    -Foi removido o modo fantasia.
    -Removido suporte para monitores com resolução de tela inferior a 1024×768.
    -Ranking único de equipes, e baseado no da CBF.
    -Design novo para o editor de equipes.
    -Opção ‘Top Mundial’ para os jogadores famosos (Ex: Messi e Cristiano Ronaldo).
    Ícones novos.
    -Ícones de camisas brancas para times que não possuem camisas no jogo.
    -Pré-Libertadores e Pré-Liga dos Campeões da Europa, possibilitando maior vaga de times em cada torneio.
    -Em competições internacionais, os times ganharão premios a cada rodada que vencerem no mata-mata.
    -O campeão da Sulamericana terá vaga na Libertadores do ano seguinte. Assim como o campeão da Liga Europa terá vaga na fase de grupos da Champions League.

    2017:

    -Eliminatórias com formatos reais da Europa e América do Sul para Copa do Mundo.
    -Sendo possível organizar amistosos com as Seleções durante a Temporada.
    -Convocar jogadores a qualquer momento para realização de amistosos.
    -Adequações na Libertadores. Nova rodada da fase preliminar e exclusão dos times mexicanos, Campeão da —-Sul-Americana com vaga direta na fase de grupos.
    -Expansão do número de times da Liga dos Campeões com nova rodada da Fase Preliminar.
    -Vários bugs corrigidos (como o que deixava de classificar alguns times bem posicionados na serie D, problemas ao salvar etc,)
    -Além dessas várias outras pequenas mudanças foram feitas em todo o jogo.

    Inicio Brasfoot
    Quem viveu essa época maravilhosa, e teve o privilégio de perder várias horas no Brasfoot com certeza nunca vai se arrepender. Quem aqui não tem sua tática predileta, quem aqui nunca foi com um: 4-4-2 / Jogo equilibrado / Pelas laterias, ou um 4-3-3 / Ataque total / Pelo meio… Enfim, Brasfoot é sim um marco na vida de todos nós! Que jogão!

Comentarios