Vamos falar de Carille

Rib4216 Str6gpp
Fábio Carille, 44 anos, e uma missão nada tranquila: ser treinador do Corinthians, um dos clubes com maior torcida do país, e uma das mais exigentes.

Carille começou como um “tapa buraco”, pois o time da capital paulista se encontrava em dificuldades financeiras, e decidiu não investir alto em um treinador de peso. Acabou apostando em Fábio Carille, que durante 5 anos foi auxiliar do técnico Tite, hoje na Seleção Brasileira, além de treinar as categorias de base do Timão.

Como podemos ver, ele não estava ali por acaso, ele se preparou, não queimou etapas e teve 5 anos de aprendizado com um dos melhores técnicos do mundo na atualidade, além é claro, de ter “vivido Corinthians” por toda sua carreira de auxiliar e treinador de futebol.

590b8beb4ea8c
Em suas mãos Carille encontrou um elenco limitado e desacreditado, lembrando que o Corinthians se encontra em uma grande crise financeira dada por conta de seu estádio, que tem lhe dado dividas estratosféricas, e por conta disso não investiu em grandes nomes. Trouxe no começo do ano o atacante Jô, que estava sem contrato com nenhum time, e que assim como o time do Parque São Jorge também estava desacreditado, além de Jô, o Timão também foi atrás de Jadson que estava na China, para dar uma experiência ao time que era repleto de garotos.

Carille teve que lidar com a imprensa, que em diversas ocasiões colocou o Corinthians como a 4ª força de São Paulo, coisa que até os próprios corintianos no inicio do ano pensavam por conta dos reforços e elenco limitados, mas Carille sempre bancou seus jogadores e depositou total confiança neles. E foi assim que ele venceu. Montou um Corinthians extremamente difícil de ser batido.

Tendo Cássio, Fagner, Arana, Jadson e Jô como base, o treinador montou um time compacto e solidário. Quem observava os jogos do Timão, via uma grande variação de esquema entre o 4-2-3-1 e o 4-1-4-1, onde todos os jogadores atacavam e defendiam muito próximos uns aos outros, e lá na frente contava com o confiante e inspirado Jô, que brigava e ganhava a maiorias das bolas no ataque, seja no pé, mas principalmente naquela famosa “casquinha” de cabeça ajeitando a bola para os pontas.

Segue as variações de esquemas usadas por Carille durante o ano.

4-1-4-1

Corinthians Ps 4 1 4 1 Rodriguinho 31032017 1wh2z1eqk63n7106hecuuebbjz

4-2-3-1

Corinthians Ps 4 2 3 1 7042017 Umtcp6clujw71dvx8bg1f4zae
E com isso, Carille entrou no ano para o seu primeiro objetivo: O Campeonato Paulista, e lembrando: como a 4ª força do estado, segundo a imprensa. E adivinha? Seu esquema inovador e muito bem montado e treinado funcionou, e o Corinthians passou pela primeira fase com a 2ª melhor campanha geral, eliminando Botafogo-SP nas quartas, São Paulo nas semis, e derrotando com facilidade a Ponte Preta na final, e mostrando para todos que futebol é dentro de campo, fora dele é conversa fiada.

Mas ao fim do paulistão, veio aquela conversa de sempre: “Paulistinha não é parâmetro para nada”. E começou o Brasileiro, e o Corinthians com o mesmo time, mesmo elenco, com destaque ao acréscimo de Claysson, que fez um campeonato paulista excepcional pela Ponte Preta. No Brasileirão o Corinthians não só superou as expectativas de todos, como trucidou todas elas. Passou o primeiro turno inteiro invicto, e mantendo o padrão em jogos em casa e fora, sendo até aqui, o melhor mandante e o melhor visitante do campeonato, além da melhor defesa. E isso só poderia acarretar em uma coisa: O Heptacampeonato nacional do Corinthians, coisa que ninguém esperava.

Mas, vamos falar de Carille. O treinador chegou para tapar um buraco, aguentou calado críticas de torcedores e da imprensa, ouviu muita gente falando que ele não estava preparado para estar ali, que não tinha experiência o suficiente para lidar com a situação que o Corinthians estava passando, e o que ele fez? Ganhou o elenco, uniu o grupo em virtude de um só objetivo: vencer. E venceu! Foi campeão paulista, e ontem, dia 15/11, dia da Proclamação da República, e no fim de seu primeiro ano como treinador efetivo de futebol, foi Heptacampeão Brasileiro de futebol.

() Spo

Parabéns, Carille. Foi um prazer te ver treinando, e que venham muito mais conquistas, seja lá onde você estiver.

Camisas oficiais de futebol a partir de R$39,90 é na FutFanatics. Confira:

21443175 1641740099220208 574812197 N

21553028 1641740095886875 132275763 N

Ganhe dinheiro com futebol aqui:

 

Comentarios