Harden não é um líder

James Harden Chris Paul Rockets

Foi assim que Kevin McHale, acostumado a jogar junto ou contra os maiores líderes da história do basquete, se referiu sobre James Harden. O ex-treinador dos Rockets acredita que o ala, atual armador da equipe de Houston, não possuí os traços de liderança consigo.

Em uma participação no programa Open Court da NBA TV, quando comentando sobre a aquisição de Chris Paul, McHale falou da suposta liderança intangível de Harden, ou a ausência dela. Ele disse:

“Acho que adicionando Paul, tona-lhes uma equipe muito melhor, porque você tem James Harden, ele é fantástico com a bola, eles conseguiram uma visão fenomenal, James pode ver todos os passes e fazer tudo, mas ele não é um líder”.

“Ele tentou ser um líder ano passado e fazer essas coisas, acho que Chris Paul vai ajudá-lo a fazer isso e ele vai voltar apenas a arremessar e jogar. Em toda equipe você precisa ter uma voz, você precisa ter alguém que quando fala todos escutam. Olha Chuck (Charles Barkley), se James Harden te disser, você tem que jogar melhor na defesa. Você vai escutá-lo? Você está brincando comigo. Eu vivi isso tudo no vestiário”.

McHale deixou os Rockets em novembro de 2015, depois de a equipe começou a temporada com um recorde de 4 vitórias e 7 derrotas. Com D’Antoni na temporada 2016/17, Harden conseguiu encontrar um equilíbrio entre sua pontuação e assistências, tendo médias de 29.1 pontos, segunda melhor marca e de 11.2 assistências, líder da liga, fazendo assim sua transição de ala-armador para armador e levando os Rockets a uma temporada de 55 vitórias.

Para McHale a aquisição de Paul pode ser boa para Harden e os Rockets, já que o armador deve assumir a responsabilidade de liderança da equipe.

“Chris Paul vai impulsioná-lo. Quando ele (Harden) fizer um stepback, não receber uma falta e olhar para o árbitro, Paul vai chutar a sua bunda, e isso vai fazer dele um jogador melhor. Apenas acho que Chris Paul será bom para James Harden. Ele vai permitir que Harden seja o que é, um fenomenal jogador, sem tentar liderar uma equipe, apenas não é a sua personalidade”.

McHale viveu todos esse momento de transição de Harden, e realmente ele não aparenta ser aquele líder que foi por exemplo Michael Jordan, Magic Johnson. Muito da liderança é exemplo, como Harden vai cobrar que alguém defenda se ele não defende, eu aprendi que liderança tem muito a ver com exemplo, se eu defender meus companheiros vão querer defender também. Paul têm esse espírito de liderança, e vai liberar Harden para ser um atleta ainda melhor, sem se preocupar com esse papel que demanda desgaste. A aquisição de Paul vai ser muito boa para os Rockets e para Harden.

Comentarios